A espiral é o modelo base da Macrobiótica

Definição de Macrobiótica

O que é a Macrobiótica?

Quando começamos a estudar Macrobiótica e a interessar-nos pelas suas propostas de interpretação do mundo e de todos os seus fenómenos, o nosso espanto é tão grande que é comum sentirmo-nos na obrigação de nos tornarmos seus mensageiros.

Então passamos a falar desta experiência com toda a gente. Queremos mudar de vida! Queremos que os “outros” também mudem de vida e fiquem a conhecer os benefícios de se viver de acordo com os princípios da Macrobiótica. Muitas vezes ficamos uns verdadeiros chatos!

Assim, a família e os amigos são as nossas primeiras vítimas e são também os primeiros a confrontar-nos e a questionar-nos sobre “o que é isso afinal que te apaixona e a que chamas Macrobiótica?”.


A Macrobiótica é aquilo a que se chama um “corpo de conhecimentos” (body of knowledge), ou seja, um conjunto completo de conceitos, termos e atividades que compõem um domínio profissional.

Considerando a Macrobiótica como um domínio profissional, já que muitos dos que aprenderam este conjunto de conhecimentos se dedicou profissionalmente ao seu ensino, e considerando que se fundamenta em conhecimentos empíricos ancestrais vindos do oriente, sobretudo do Japão e da China, a Macrobiótica tem estado e estará muito condicionada pela interpretação e pela orientação individual de quem a ensina.

Este condicionamento dificulta o consenso e se olharmos com atenção, encontraremos bastantes divergências no ensino da Macrobiótica entre professores e escolas, o que não é necessariamente negativo, mas que torna a via do acordo mais complexa de percorrer.

No entanto, em 2017, sob proposta de Denny Waxman e de Carl Ferre e com o contributo de diversos elementos do grupo Macrobiotics International, foi possível definir uma frase simples de entender por qualquer pessoa, que possa vir a ser incluída num dicionário, e que traduza em poucas palavras aquilo que é na sua essência a Macrobiótica.

A primeira definição aprovada foi apresentada e discutida por 45 professores, representando diversas escolas, institutos e organizações, na Conferência Internacional de Macrobiótica, que se realizou em 2017 em Berlim. Foi revista em novembro de 2018 e em janeiro de 2020. É esta última versão que apresentamos aqui traduzida 1) para português.

Se se interessa por Macrobiótica, partilhe a definição que transcrevemos em seguida. Publique-a no seu website e/ou páginas de redes sociais! A ideia é espalhá-la o mais possível para a tornar visível em motores de busca.


Definição de Macrobiótica

Macrobiótica, nome
Um sistema de princípios holísticos e de práticas dinâmicas que orienta escolhas de alimentos, de atividade física e de estilo de vida com o objetivo de alcançar o equilíbrio na saúde física, emocional, mental, social e ambiental.

Macrobiótica(o), adjetivo, tal como em filosofia ou dieta macrobiótica.

Originalmente: o estudo da longevidade, utilizado pela primeira vez pelo médico alemão Christoph Wilhelm Hufeland (1762-1836) no seu livro “Makrobiotik Oder Die Kunst Das Menschliche Leben Zu Verlängern”.

Etimologicamente do Grego Antigo Makrobiotikon (vida longa). Makros (longa) e Bio (vida).

(Definição acordada na Conferência Internacional de Macrobiótica em Berlim em 2017 por 45 professores, representando diversas escolas, institutos e organizações. Revista em novembro de 2018 e em janeiro de 2020.)

“…se olharmos com atenção, encontraremos bastantes divergências no ensino da Macrobiótica entre professores e escolas, o que não é necessariamente negativo, mas que torna a via do acordo mais complexa de percorrer.”

1) Traduzido com a colaboração de Francisco Rosário.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer partilhar a sua opinião?
Deixe o seu comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *